Água de Reúso

Com a inauguração da Estação de Tratamento de Esgotos – Mario Araldo Candello (ETE –MAC), prevista para março de 2020, Indaiatuba terá 100% do esgoto tratado. Com isso, poderá ser implantada a Água de Reúso, nas empresas o que vai equivaler a 70% de diminuição do custo mensal da água utilizada.

Primeira Fase

Nesta 1ª fase, a capacidade de produção será de 10 L/s.  As empresas serão adequadas pelo seu corpo técnico para receber a água de reuso que será enviada por caminhões-pipa vindos da ETE MAC.

Na sequência a proposta é a busca de recursos para construção de um reservatório para que a água de reúso seja distribuída por meio de redes.

Novos encontros serão realizados e todos os empresários estão convidados a participar. As datas e horários das próximas reuniões serão divulgadas posteriormente.

.

Fornecimento de Água de Reúso

De acordo com a apresentação promovida pelos representantes do Saae, a autarquia vai implantar uma unidade produtora de água de reúso, numa 1ª Etapa, com capacidade de 10 L/s. Já foi contratado o projeto básico de hidromecânica, elétrica, instrumentação e controle, da reforma da ETA de Serviço existente, parte integrante da ETE Mário Araldo Candello.

Também foi previsto aumento da vazão e melhora da qualidade do efluente final, a ser utilizado como água de reuso para o usuário industrial, mediante abastecimento de caminhões do tipo pipa ou reuso interno na própria ETE. Para melhora da qualidade do efluente, concomitantemente ao aumento da vazão para 10L/s, prevê-se a implantação de Filtros do tipo Disco e de Módulos de Ultrafiltração, com membranas em PVDF.

DUVIDAS SOBRE O PROJETO PODERÃO SER ESCLARECIDAS ATRAVÉS DO E-MAIL CONTATO@SAAE.SP.GOV.BR